F Revista Novo Perfil

Revista Novo Perfil Inicio

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

O prefeito Erivan Bezerra, o vice-prefeito Bilac Soares, o presidente da Câmara Marcone Balbino, vereadores, secretários e assessores recepcionaram nesse domingo (25), a equipe do projeto RONDON que vai realizar a partir de hoje, (26), as inscrições para vários cursos, oficinas e palestras.

Segundo informações de um dos integrantes do projeto, a receptividade das autoridades e povo tacimense têm superado as expectativas.

As inscrições para participar das oficinas e palestras oferecidas pelo Projeto Rondon, estão acontecendo na Prefeitura e são gratuitas. A Secretária de Assistência Social, Socorro, informou que cada participante receberá certificado de participação.

O Projeto Rondon, elaborado e gerenciado pelo Ministério da Defesa, é um projeto de integração social que envolve a participação voluntária de estudantes universitários na busca de soluções que contribuam para o desenvolvimento sustentável de comunidades carentes e ampliem o bem-estar da população. Contribui, também, para a solução dos problemas sociais da comunidade atendida, formulando políticas públicas locais, participativas e emancipadoras.

Revista Novo Perfil Online

Fonte: Sensocritico
O governador Ricardo Coutinho determinou o reajuste do piso salarial do professor de carreira em 20%. Com isso, o piso do professor na Paraíba será de 1.525,00 para 30 horas, acima do que é pago no Brasil e 20% a mais do valor recebido em dezembro de 2014, que foi de R$ 1.273,00.

A medida faz parte do reajuste para o funcionalismo, assegurado pelo Governo em respeito à data base, instituída na primeira gestão, a ser aplicado na folha deste mês. Apesar da crise no cenário econômico nacional, que se reflete na drástica queda das receitas, o Governo da Paraíba é o único do país que vai assegurar aumento para todo o funcionalismo no início de 2015.

O aumento para R$ 1.525,00 é o primeiro passo no compromisso de dobrar o piso salarial do professor de carreira na Paraíba até o final do segundo mandato.

Além da elevação do piso, o Governo dará 9% de aumento para o professor que recebe acima, sendo 4,5% a ser implantando a partir de janeiro e mais 4,5% a partir de outubro. O impacto financeiro do aumento para o magistério, ao final, chegará a R$ 5,9 milhões por mês, contemplando ao todo 26.887 servidores. Os valores foram pactuados com as diversas categorias durante audiências ocorridas no decorrer de janeiro.

Com as bolsas garantidas pelo Estado, que variam de R$ 265 a R$ 610, o menor salário de um professor de carreira na Paraíba será de R$ 1.790,00, 93% acima do valor pago até dezembro de 2010.

Segurança terá reajuste de 5% e valor de plantão de PMs sobe - Para todos os entes vinculados à Segurança Pública, o reajuste chegará aos 5% na remuneração, a ser implantado a partir deste mês. O aumento contempla policiais militares, bombeiros, policiais civis e ainda agentes penitenciários. Ao todo, 21.481 servidores. E vai gerar um impacto de aproximadamente R$ 3 milhões por mês. Os índices foram discutidos com as categorias dos setores contemplados.

Para os policiais militares, o governador Ricardo Coutinho determinou ainda que os plantões sejam reajustados, especialmente para os praças. Os valores estão sendo estudados.

Com o reajuste para Polícia Militar, um soldado na Paraíba passa a ganhar 71% a mais do que ganhava em dezembro de 2010, passando de R$ 1.564,00 para R$ 2.675,58. Evolução semelhante se revela no salário dos policiais civis. Um agente de investigação, por exemplo, recebia R$ 1.992,00 antes do início da atual gestão. Agora, a partir deste aumento, vai passar a ganhar R$ 3.282,00, um ganho de 64% ao longo destes quatro anos.

Já o delegado de Polícia Civil saiu de um salário de R$ 6.137,00 em 2010 para R$ 9.439,00 este mês.

Para o pessoal de saúde, que representa um quadro com 7.467 servidores, o aumento na remuneração também será de 5%, a partir de janeiro.

Aumento do Mínimo vai injetar R$ 4,4 milhões/mês na folha - O Governo da Paraíba vai garantir ainda no pagamento da folha em janeiro o reajuste do Salário Mínimo, que passou para R$ 788,00, representando um aumento de 8,4%. O aumento do Mínimo contempla 42.856 servidores públicos estaduais e vai representar um aporte de R$ 4,4 milhões por mês na folha de pessoal do Estado.

Para os demais servidores, menos de 26 mil, o reajuste mínimo será de 1%, representando um acréscimo de aproximadamente R$ 10 milhões por ano na folha do Estado. Os agentes fiscais terão aumento de 50% na Bolsa Desempenho. Neste modelo, 89 mil dos 114 mil servidores recebem reajuste diferenciado. Ao todo, o reajuste prevê um acréscimo de 14,3 milhões por mês na folha de pessoal do Estado.

O governador Ricardo Coutinho destacou o imenso esforço feito pela equipe econômica do Estado para assegurar o reajuste para o funcionalismo público estadual, o quarto consecutivo concedido durante seu mandato e o único dado entre os estados de todo o Brasil.

O governador lembrou ainda que a Paraíba não pode ultrapassar os limites impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal com gastos de pessoal, atualmente representando 49% de toda a Receita Corrente Líquida do Estado.

“O cenário econômico nacional, que tem reduzido o repasse de recursos do Fundo de Participação dos Estados e, consequentemente, abalado o volume das receitas estaduais, aponta para um quadro de alerta e para necessidade de medidas financeiras responsáveis”, destacou.

Desde que foi empossado para o segundo mandato, o governador Ricardo Coutinho tem adotado medidas de enxugamento do custeio da máquina, incluindo redução da estrutura administrativa, com extinção de secretarias, órgãos e cargos comissionados, bem como suspensão e cortes de gastos com diárias, alugueis de imóveis, locação de veículos e até eventos carnavalescos.

Além de suspensão de reajuste do próprio salário e dos secretários estaduais, devidamente aprovado pela Assembleia Legislativa da Paraíba.

Revista Novo Perfil Online
Fonte: SECOM

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Segundo Lei de autoria do deputado Caio Roberto (PR), publicada na edição do Diário Oficial do Governo do Estado desta quarta-feira (21), as cantinas e lanchonetes instaladas em escolas públicas e privadas de educação infantil, fundamental e média, estão proibidas de venderem bebidas com baixo teor nutricional, a exemplo de refrigerantes.
Os sistemas de ensino tem 120 dias, para estabelecerem as normas e procedimentos, para cumprimento da lei. Em caso de descumprimento, os estabelecimentos que não obedecerem a proibição, podem perder a licença ou o alvará de funcionamento.

Revista Novo Perfil Online
Fonte Portal Midia
A segunda edição do Alegrai-vos esse ano na cidade de Belém promete um dia de Bençãos, com varias atrações da musica Católica, muita Adoração ao Santíssimo Sacramento e a participação de vários Padres Cantores a Exemplo do Mons. Andre e outros.


"O evento que foi idealizado com o intuito de promover um dia de evangelização, onde pudesse atingir varias pessoas de diferentes idades ao mesmo tempo. Sediado na cidade de Belém, cidade que tem o mesmo nome da cidade que Jesus Cristo nasceu." Nos revelou Ramom Almeida, um dos organizadores do evento.

O Alegrai-vos tem o apoio do comercio Belenense e o empenho do Grupo Missão Jovem, que realizou bingos, e vários pedágios para arrecadar o necessário para a realização do Evento, além do apoio da Igreja Católica.

A expectativa para o evento é a melhor possível, pois as camisas confeccionadas para o evento que estavam sendo vendidas já esgotaram-se. Por tanto venha você também participar do Alegrai-vos. será dia 25 de janeiro e não tem custo para os participantes. Inicio às 08:00 da manhã na Igreja Sagrada Família.

Por Henrique Filho      













O Prefeito Erivan Bezerra, em pareceria com os representantes religiosos, o Pastor Otaviano da Igreja Evangélica Assembleia de Deus e o Padre Joaquim da Paróquia de Sant'Ana, distribuiram cerca de 140 cestas básicas às famílias carentes do nosso município, onde a arrecadação de alimentos foi feita na Tradicional Festa de Santos Reis 2015.

Atualmente, cerca de 80 famílias já são beneficiadas com cestas básicas mensalmente, através do CRAS e da Prefeitura Municipal de Tacima.
Á todos que contribuiram, o nosso MUITO OBRIGADO!
Ações de cidadania, humanidade e amor ao próximo são prioridades na Administração "Construindo o futuro."
Revista  Novo Perfil Online


Fonte: Ascom
A Associação Guarabirense de Imprensa (AGI), realizou neste domingo (18), das 9h às 17h, na Associação Comercial e Empresarial de Guarabira (ACEG), a eleição para à presidência da entidade.

Com chapa única, a vencedora foi a denominada “AGI Continua”, que tem como presidente a radialista Angelita Lucas, que é reconduzida ao posto para o próximo triênio (2015/16/17).

A chapa também tem Marisa Alverga como vice-presidente; Flávia Portela como assessora jurídica; Osvaldo Santana como 1º tesoureiro, José Feliciano como 2º tesoureiro; 1º secretário Luis Gomes, 2º secretário Cristiano Alves; relações públicas tem Gentil Filho; diretoria de cultura com Assis Firmino; Jean Gomes como diretor social; Rudney Araújo como diretor de divulgação; Levi Ramos como diretor de eventos; Digenilson Silva como diretor de patrimônio; Martins Júnior e José Roberto como diretores de esporte e lazer. Por fim, o conselho fiscal é composto por Cenildo Pontes, Rodrigo Costa e Leonaldo Ferreira – os suplentes são Jota Alves, Amanda Queiroz e Ronieleson Santos.

Estavam aptos à votar 247 filiados, mas apenas 37 compareceram a votação.

No próximo domingo (25), a AGI promove uma festa de confraternização para todos os associados, na sede da ASSESP, localizada no conjunto Clóvis Bezerra, em Guarabira.

Revista Novo Perfil Online

Com PortalMidia
A Paraíba apresentou a maior redução no número de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) do Nordeste e 3º do país nos últimos quatro anos.  As ações do Governo do Estado, por meio da Secretaria da Segurança e da Defesa Social (Seds) e seus órgãos operativos, resultaram em uma diminuição de 13,4% na taxa de homicídios por 100 mil habitantes em território paraibano.
A Paraíba foi o que mais reduziu as ocorrências de assassinatos no Nordeste (-1,6%), seguido por Alagoas (-0,6%). Tiveram aumento: Maranhão (+12,8), Pernambuco (+10,9%), Rio Grande do Norte (+9,9%), Ceará e Bahia (+1,3). Sergipe e Piauí não divulgaram seus números. Em relação ao Brasil, a Paraíba é o segundo em diminuição, tendo à frente apenas os estados de São Paulo (-4,1%) e Minas Gerais (-2,7%). Entre 2011 e 2014, houve um decréscimo de 9,94% na ocorrência de assassinatos em território paraibano, com números que foram de 1.680 para 1.513 CVLI – homicídios dolosos ou qualquer outro crime doloso que resulte em morte.

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015


O Ministério da Educação abriu nesta segunda-feira (19) as inscrições para primeira edição de 2015 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), pelo sisu.mec.gov.br. O prazo vai até as 22h59 desta quinta-feira (22). O resultado da primeira chamada regular será divulgado no dia 26 de janeiro.

VEJA A DISTRIBUIÇÃO DAS VAGAS

O Sisu usa para fazer a seleção para as vagas as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014, disponibilizadas na última terça-feira (13). No total, são 205.514 vagas em 5.631 cursos de 128 instituições públicas de educação superior.

Para concorrer, o estudante precisa informar o número de inscrição e a senha usados no Enem. Quem não lembra a senha pode solicitá-la no site do Enem.

domingo, 18 de janeiro de 2015

Apos a informação divulgada pela assessoria da prefeitura da Serra da Raiz que não haveria festa com bandas. a prefeita Adailma Fernandes anuncia a programação completa da festa de Emancipação e confirma Banda Encantu's e Forro Bakana, que se apresentaram na Serra da Raiz  no próximo de 21 de janeiro data que a cidade estará completando 56 anos.


A programação se iniciará as 04:30 da manhã com Alvorada pelas ruas da cidade.

08:00 da manhã com a Santa Missa na Igreja Matriz.


09:00 da manhã, hasteamento das bandeiras na prefeitura


09:30 da manhã, entrega dos cheques do auxilio transporte aos universitários.


14:00 da tarde, entrega de cestas básicas a famílias carentes.


15:30 da tarde, final do campeonato municipal de futsal.


18:00 da tarde, Apresentação de Bandas de Músicas na praça de Eventos no centro da cidade.

As 22 horas tem shows com Forró Bakana e A BANDA ENCANTUS

Revista Novo Perfil
Fonte: Ascom

sábado, 17 de janeiro de 2015

As mochilas escolares fazem parte da rotina de crianças e adolescentes. Ao comprarem um modelo para o filho, os pais, no entanto, devem estar atentos a detalhes que vão além da aparência do produto. Carregada de cadernos e livros, a mochila pode causar dores nas costas, nos ombros e lordose (curvatura excessiva da coluna espinhal), quando usado de maneira errada.
Os dois modelos existentes no mercado, a mochila de colocar nas costas e a versão com rodinhas, devem seguir normas de peso e modo de uso para a criança manter a postura ideal. “O carrinho seria menos problemático, mas, socialmente, as crianças já não querem usar, principalmente as mais velhas. Então, o ideal é contornar a situação usando a opção das costas adequadamente”, declara Claudio Santili, presidente da SBOT (Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia).

Peso

Mesmo vazia, a mochila precisa ter uma estrutura leve. “O material a ser transportado não deve ultrapassar 10% do peso da criança”, diz Luiz Carlos de Andrade Junior, ortopedista pediátrico do Hospital Albert Einstein, em São Paulo. “Quando a criança inclina o tronco, é um indicativo de que está ultrapassando o limite. A mochila não pode causar posturas compensatórias, marcas avermelhadas, dores ou cansaço”, fala o profissional.
O cinto de segurança (que une as alças da mochila na altura da barriga) deve ser afivelado, e não ficar pendurado. Além de manter a carga junto ao tronco, a medida também diminui o esforço. “O que é mais pesado deve ir perto do corpo, assim, não tenderá a puxá-lo para trás”, afirma Santili. Os adultos têm de ficar atentos na hora da arrumação e ensinar a criança a separar apenas o material necessário do dia.

Modo de usar

Ao comprar o modelo para colocar nas costas, prefira aqueles que têm alças largas, com, no mínimo, quatro centímetros de largura, e acolchoadas. “O grande problema é quando a mochila é usada em apenas um dos ombros. A musculatura que dá suporte à estrutura óssea é pressionada e pode causar dor nas costas, nas articulações e na região lombar e desvio postural, se for carregada por um tempo prolongado”, fala o presidente da SBOT.
A mochila deve ser regulada no nível da cintura. Muito abaixo das nádegas, como adolescentes costumam usar, tende a tracionar a coluna para equilibrar o peso. “Quanto mais baixa estiver, mais sobrecarregados ficarão os ombros”, diz o fisiatra Daniel Pimentel, do Hospital do Coração, também na capital paulista.

Rodinhas

Se a opção for a mochila com rodinhas, é preciso analisar o acesso na escola para o transporte não se tornar uma dificuldade. Calçadas esburacadas ou íngremes e escadas podem provocar quedas, por exemplo.
Segundo Andrade Junior, o uso de mochilas com rodinhas é mais confortável, porém o comprimento do puxador deve ficar na altura dos quadris da criança, para evitar que ela se incline para puxar. Também é indicado revezar o ato de puxar entre o braço direito e o esquerdo, para não sobrecarregar os ombros e prevenir torção do tronco.
RevistaNovo Perfil Online
Fonte: Uol

POLÍTICA

POLICIAL

EVENTOS

ESPORTES

CURIOSIDADES

CANAL CNP

Publicidade: